domingo, 13 de junho de 2010

;)

A tristeza, quando vivida em função de alguém, não merece a nossa importância…
Não vale a pena entristecermo-nos por amor, muito menos se esse amor não vale a pena, muito menos se a pessoa não nos dá valor.

Muito fácil é escrever e ler estas palavras, e difícil pô-las na cabeça e em prática.
Mas não nos podemos deixar levar, pois isso é como que um obstáculo que nos é dado pela vida, obstáculo esse que tem de ser transposto, ultrapassado, sermos nós agora o obstáculo a esse obstáculo!
Portanto viver a vida em função dos obstáculos e das barreiras, tentando diminuir ao máximo as tristezas, que não nos levam a lado nenhum…

Viva em função de você apenas…