sábado, 22 de maio de 2010

REINVENTANDO

“SE A ÚNICA FERRAMENTA QUE VOCE TEM É UM MARTELO, SUA TENDÊNCIA SERÁ TRATAR TODAS AS COISAS COMO SE ELAS FOSSEM UNS PREGOS”.
Reinvenção é uma palavra típica dos nosso dias. Ela tem seu lugar e seu significado. De tempos em tempos todos nós precisamos separar um espaço em meio a correria dos nossos dias para uma “reinvenção” da nossa vida. Algumas perguntas são extremamente pertinentes em tempos como esses. Perguntas como: “Estou caminhando na direção certa?” “O que realmente eu quero desta vida?”, “O que preciso mudar na minha vida?”.
É muito fácil se tornar um escravo da rotina, ao viver debaixo do mesmo padrão dia após dia, sem a capacidade de estabelecer alvos apaixonantes e desafiadores para a vida. Muitos de nós nos assemelhamos a alguém que dirige um veiculo numa estrada lamacenta. As rodas se movimentam mais, não há progresso, porque não há propulsão para a frente. Criamos movimento, mas não um movimento de avanço, e logo nos damos conta de que existe apenas um mínimo de progresso em direção aos nossos sonhos.
Existem muitas coisas nesta vida que estão acima do nosso controle. No entanto, reinventar é algo que você pode fazer e está sob seu controle. Você tem a liberdade de tomar decisões que podem trazer benefícios incríveis para a sua vida. É necessário porém que você esteja aberto a mudanças, corajosamente e crer num futuro melhor. Não permita que a sua vida ganhe a tediosa cor cinzenta. Se a reinvenção é importante em diferentes níveis, como governamental, negócios, etc… ela se torna contudo muito mais atraente no terreno pessoal.